FIOS DA TUA IMAGEM – Elen de Moraes (Para Lenya Terra – em memória)

 

 

FIOS DA TUA IMAGEM

 

Para Lenya Terra

 

Lúgubre, desce o luto sobre a poesia.

Aos poucos as palavras ficam sem sentido.

Desfiam-se versos no soneto ferido.

A métrica deixa fugir sua harmonia.

 

A alegria perde o tom, se esgueira em vigília.

Rimas ficam pobres… O tempo é interrompido!

Pranto que caia em teu rosto combalido,

Veio ficar, agora, em nossa companhia.

 

A tristeza desembarca nesta paragem…

A Lira dos Poetas cobre-se com o manto

Tecido com os fios da tua doce imagem.

 

Foste embora, Lenya Terra, viraste encanto!

Mas, pra sempre nos deixaste, ao seguir viagem,

Teus poemas e tua voz de suave canto.

 

2 Respostas to “FIOS DA TUA IMAGEM – Elen de Moraes (Para Lenya Terra – em memória)”

  1. Querida ElenUm sentimento estranho se apoderou de mim ao ver a foto de Lena e depois o belo soneto que lhe dedicasteBem hajasBeijoNando

  2. Querido Nando,Qualquer que tenha sido o sentimento estranho, sei que foi com muito carinho que a tua saudade trouxe Lenya à tua lembrança.Obg por teres gostado do soneto.Bem hajas!BeijoElen

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: